Estou passando por uns Dias de Shiva… Resolvi postar maiores informações sobre esse deus da mitologia Hindu

Shiva freqüentemente aparece com a face branca como a neve, cabelos opacos, vestido com uma pele de tigre, como um yogi. Shiva representa o caos, é também o senhor da dança. Sua dança destrói os grilhões que aprisionam a ‘alma humana’, ele dança sobre as vicissitudes que personificam a ignorância e a ilusão. Quando dança, Shiva representa a verdade cósmica, da destruição e renovação.

Esta é a principal imagem de Shiva, Shiva Nataraja significa “Shiva, o Rei da Dança”, pois ele cria os universos – assim como os destrói, com sua dança de caos e fogo.

A imagem apresenta Shiva dançando, com quatro braços (simbolismo para representar a versatilidade e influência universal e diversificada). Esta dança chama-se Tandava.

O primeiro braço, com a palma à frente, quer dizer: “Não vos atemorizeis com a mensagem terrível que vos trago, pois também apresento a solução”.

O segundo braço segura um pequeno tambor que marca o ritmo da dança, e que quer significar: “Tudo no universo segue um ritmo, e está sujeito a uma ordem temporal”. O tambor representa também o som através do qual o universo foi criado.

Com o terceiro braço, o que segura as línguas de fogo, Shiva diz: “Aproxima-se o tempo de destruir o que se construiu, para se completar o ciclo da criação. Assim como no passado o mundo antigo acabou-se pelas águas de um dilúvio, agora ele será destruído pelo fogo”. Os fachos de fogo ao redor da figura carregam a seguinte mensagem: “A redondeza da Terra será queimada pelo fogo”.

Um pé está esmagando uma figura animalesca, que representa a natureza inferior e animal do homem.

O quarto braço apresenta a salvação, ao apontar para o pé levantado, querendo dizer: “O homem não deve atender às solicitações das suas más inclinações, de suas más paixões, dos instintos bestiais, oriundos da sua natureza animal, inferior, e sim seguir sua natureza superior, espiritual: deve abster-se do ódio, dos vícios, dos excessos, obter o autocontrole”.

Seu pé esquerdo erguido mostra-nos que podemos elevar-nos e atingir salvação. Pensar em salvação é pensar na auto-elevação, seja do caráter, espírito, condutas, etc…
Quando dança, Shiva representa a verdade cósmica. Ele dança nos campos de batalha, nos cemitérios, e é sempre associado com a morte e renascimento.

Como terceira pessoa da trindade hindu, ele destrói o universo ao final de cada era para que este possa ser criado de novo. Ele vem com fogo consumidor do amor divino que destrói o ódio, a maldade, os demônios e o ego humano, varrendo a terra do mal, não significando necessariamente a destruição do mundo físico pelo fogo físico mas sim a destruição do mal pelo fogo sagrado.

Anúncios